Pular para o conteúdo principal

Luiza e eu


Eis aqui a minha tentativa de expressar um pouco do que aconteceu comigo, no palco do Tom Jazz, ao receber minha convidada da noite: Luiza Possi.
Haja coração!

O show de terça feira 01/04, aconteceu revelando e confirmando, um sem número de emoções e sentimentos, daqueles que só na prática, a gente encontra....(continua)
Tive, a sorte para uns e bênção para outros, de ter uma filha preciosa, em todos os sentidos.
Posso garantir que vai muito além dos laços sanguíneos, sociais e animais, a afinidade entre nós.
Qualquer atividade, com a companhia dela, sempre fica muito melhor.
Desde cedo, quando ela era portátil e a escola permitia, sua presença nas viagens, shows, passeios, era a única saída para a minha paz, e a companhia mais gostosa que eu podia ter.

Falo nisso, porque eu mesma me surpreendi com o tamanho da emoção que senti.

Tenho sentido emoções muito fortes ao celebrar meus 30 anos de carreira cantando com amigos, e sabia que não seria diferente com Luiza. Afinal, ela é representante da nova geração de cantoras brasileiras, e das mais talentosas - meu universo receberia o novo, o que está se formando e encontrando o próprio caminho através de todos os descaminhos de um mercado machucado, e de uma indústria enfraquecida.
Isso de per si já é forte o suficiente para balançar.

Somemos a esse quadro, a emoção de ter no palco a minha companhia predileta, desde há uns 24 anos..... aquela que fez minha vida mais plena, minha humanidade mais tangível, e minha consciência mais expandida....
Quando cantava a música Luiza, logo antes da entrada dela no palco, de repente minha voz embargou, tomada por uma emoção tão plena, de tanta gratidão por tudo o que acontecia naquele exato momento da minha vida.....por receber dalí há alguns minutos a presença física dela, me acompanhando por seus próprios pés nesta estrada da música e do palco, onde mais uma vez confirmamos a afinidade e jornada das nossas almas.....que bênção!
Imediatamente comecei a oferecer mental e espiritualmente, a todos os presentes, aquele jorro de plenitude e gratidão, e o banho na alma que isso trás. E o ambiente todo se banhou comigo - conosco.

Amigos, não sou das letras, e expressar esta complexidade de sentimentos e emoções não é nada fácil prá mim.
Cantar me ajuda a ser mais inteira na expressão da minha alma, e embora neste espaço eu só possa escrever, conto com a sensibilidade de vocês para compreender o que me escapa por trás destas palavras.
Com muito amor,
Zizi

Comentários

Anônimo disse…
Na hora que percebi sua voz embarguar tive um pensamento de que tudo que Luiza representa pra você venho à tona: seu nascimento, sua vida, sua companhia, seu amor. E tenho certeza que quem estava lá sentiu toda essa gratidão! Foi lindo!!

E não se engane, você é tão mestre nas palavras quanto é ao cantar! Não é à toa que adoro ler seus textos!

bjos

Marina
Cadu Oliveira disse…
Mais que "das letras", você é "da música" - essa linguagem quase sobre-humana, acima das gramáticas, com sintaxe própria e irretocável. Não bastasse ser técnica e esteticamente elaborada enquanto intérprete, ainda é capaz de compor imagens belíssimas com minúcia lingüística, como nessa descrição do encontro com a Luiza. No palco, ambas lindas e no gozo dos seus 24 anos!

Aposto que na terça passada todos os brilhantes do mundo revelaram os sete mil amores que você guardou pra dar à filhota. A platéia do Tom Jazz estava de prova.

Bom vê-la feliz, Dolcissima!
Dani Mota disse…
Diva,
Através das expressões do seu olhar e sorriso nas fotos, é possível imaginar a "imensidão do som",da emoção e alegria daquele momento.
Concordo plenamente com a Mariana,você é tão mestre nas palavras quanto é ao cantar.

Amo-te!
Bjos minha querida.
Ana Lucília disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Manoel disse…
Zi, queria apenas dizer que e muito gratificante para nos vermos que Luiza esta trilhando seu proprio espaco com um talento tao verdadeiro. Seu amor plantou isso, tenha certeza. Ah, e tambem dizer que voces duas estao muito GATAS, viu ? Olho as fotos e ate me esqueco que sao mae e filha. Estao mais para "irmas Possi".....rsrsrsr.
Beijo carinhoso,
Manoel.
Anônimo disse…
Zizi, não fique encabulada pois a senhora se expressa muito bem com as palavras. Fiquei super emocionada ao ler essa declaração de amor à Luiza.
Parabéns sua filha é tudo isso e mais um pouco, tomara q um dia eu tenha essa sorte de ter uma filha tão especial na minha vida ,assim como na sua.
Um abraço Carla
Imagino o quanto deve ter sido mágico e especial para você(s). Fiquei triste de não poder estar lá, mas feliz de saber que foi tão bom! Beijos! P.
Zizi Possi disse…
Cadu, Ana, Dani, Marina, Manoel, Carla e P., acreditem, emoções como essa, trazem um fôlego novo para o coração! Fico feliz por pelo menos alguns entre vocês terem assistido, para me ajudar a contar.
As gravações de áudio e vídeo devem certamente ter captado este e outros momentos, que espero, vinguem tecnicamente, para poder disponibilizar à todos!
Adoro os comentários!
Bjks
Zizi
Anônimo disse…
Oi zizi ,eu sou muito suspeito p dar opinião ,pois só de ver as fotos já estou me debulhando em lagrímas.
Tirando a emoção um pouco de lado esse repertório é um presente aos ouvidos ,ainda mais com uma das maiores cantoras do planeta e seu rebento ,a cantora mais afinada dos ultímos 15 anos .
Parabens Deus abençoe vc por nos dar esse lindo presente bjs
Douglas
douglasmarron@yahoo.com.br
Marcos Monteiro disse…
Poxa Zizi, eu morei aí na Angélica, no 2055, praticamente ao lado do Tom Jazz e não sabia que você ali se apresentaria. Gostaria muito de ter assistido a suas apresentações. Acho que você "veste" a música enquanto canta e ela sempre lhe cai muito bem, Você não acha? Mas "a vida leva e traz, a vida sempre faz e desfaz" não é mesmo?... Hoje estou em Niterói/RJ que é minha cidade natal. Ouço você desde o final dos anos 70, eu tinha uns 17 ou 18 anos, faz um bom tempo mas parece que foi ontem rsss... Hoje ouço principalmente os CDs Passione e Per Amore que acho lindos e inclusive estou ouvindo enquanto lhe envio essa mensagem. Sinto-me feliz em perceber sua felicidade e emoção com a participação de sua filha junto a você, gostaria de aí estar também e participar da egrégora que se estabelece nesse local durante o show, que acredito deva ser muito positiva.
Bem, poderia dizer mais coisas, mas acho que já me estendi demais, um beijão, muita Paz, Saúde e Felicidade para vocês!!!

Marcos Monteiro mnwstl@estadao.com.br
Marcus disse…
Zizi, minha amada...

Nosssssssa como me emocionei com a densa camada de sentimentos de suas palavras... Parabéns minha querida... Amo você demais!!!

A propósito sonhei contigo... um lindo sonho musicado...

Bjus

Marcus Kemps do Recife
Anônimo disse…
Zizi meu amor !
Há realmente possibilidade de vc e Luiza realizarem esse encontro em uma casa maior como o Tom Brasil?
Já rola esse comentário no blog do mauro ferreira .
Se ocorrer esse novo encontro seria muito recompensador p todos nós q não podemos ver o primeiro.
bjs ,fica com Deus
Douglas
Douglasmarron@yahoo.com.br
Zizi Possi disse…
Oi Douglas!
Para nossa felicidade, o blog do Mauro não está inventando não!
Bem, o próprio Paulo Amorim (produtor da temporada e proprietário dos Tons - Jazz e Brasil) quem me falou sobre isso.
Achei muito lindo - ele chegou emocionado, e disse que não queria privar o público de assistir um show deste porte de emoção, e que caberia apresentá-lo no projeto "ENCONTROS" do Tom Brasil, onde ele poderia tranquilamente praticar preços populares, dando assim, possibilidade de muitas pessoas assistirem.
A semente está lançada Douglas, a terra é fértil, e o show é lindo!
Beijos e obrigada por seus comentários ótimos!
Zizi
Anônimo disse…
Zizi!
todo lo que hagas:musica, escritura, hijas,...todo, ES MARAVILLOSO, como tu.
A mi es que muchas de tus canciones me han cambiado la vida, me la han mejorado. Estoy en deuda permanente contigo.
Muitos beijos e bençoes. Daví
Anônimo disse…
Ai zizi q maravilha! ,eu sempre fico arrepiado ao te ouvir cantar ,e ao lado de Luiza ,será simplesmente a glória .
Uma Diva em seu explendor e uma jovem linda q canta com maestria das damas do jazz. Isso não é um encontro é presente dos Deuses.
Douglas
Irapuan Strausz disse…
Eu tive a felicidade de presenciar esse momento de emoção e de felicidade merecida. Eu moro no Rio e fui a Sampa exclusivamente para poder assistir a este SHOW em dose dupla com Zizi e Luiza, que eu já tinha assistido na terça anterior no Estrela da Lapa aqui no RJ. Fui Coroado com um dos melhores shows que pude assistir na minha vida e olha que costumo ir a muitos, mas da Zizi foi o primeiro, mas certamente o primeiro de uma série. Quando vc estreiar esse show aqui no RJ, por favor me avise pq é imperdível!!! Abraços

Postagens mais visitadas deste blog

Pensou que eu tinha esquecido de você Eli?????

Mas não esqueci não!!!!!
Parabéns atrasados querida, mas limpinhos e cheios de carinho!!!
Desculpe não ter postado ontem!
Fui abduzida pela minha filha que me levou a um cinema incrível, a gente quase deita nele! E os garçons servem o que a gente já pediu.
Assistimos Almodovar com um pacote imenso de pipocas e prosseco rosê.
E eu ficava pensando: será que vai dar tempo de postar o parabéns da Eli?????
Não deu, mas então aqui vai:

PARABÉNS ELI!!!!
Muita saúde, paz, realizações, amor, felicidades e que seus desejos mais lindos sejam realizados!
Receba um beijo meu enooooooooooorme, e deste blog inteirinho que te ama!

Ah, a Carminha fez um cartão lindo prá você, só que veio em pdf. extensão que o blogger não aceita para uploads.

Então saiba que o carinho de todos por aqui é muito maior do que o que você imagina!
Beijos mil
Existe uma música cuja letra diz   “recordar é viver”
Pois bem, eu digo o contrário. Viver, de verdade, é recordar…..
Daquilo que, intimamente, já sabíamos - mas não lembrávamos que sabíamos… Recordar através de uma palavra solta no ar, um gesto, uma intenção, um deja-vù… qualquer coisa se presta a ser um sinal que suga dos infinitos do inconsciente a lembrança vaga de fatos, mas muito sólida em conteúdo e sentido.
Lembrar disso tudo trás sentido ao viver, ao sofrer que faz parte, àquilo que temos de aceitar porque a impotência bate de frente….
O caminho dessas lembranças, pelo menos o único que conheço, está bem perto - ou melhor : bem dentro de nós. Há que se ter coragem = core ( coração + agir ). Há que enfrentar nossos próprios demônios e dragões, que guardam as portas de entrada da memória… Parece simples, mas não é. Um pequeno e único gesto, por menor que seja, nessa direção, acredite: é Hercúleo.
Bem vindo à complexidade - inevitável como o destino - que nos compõe, e parece cobrar sua aut…

Mistério revelado

Que bacana vocês terem aprovado o verde de fundo do blog.
É em homenagem à nossa escolha por maioria, ao partido verde, que na verdade com ou sem partido, é a cor de fundo das escolhas dos nossos corações, não é mesmo?

Um blog que reúne pessoas que amam animais, vegetais e minerais, música, arte e verdade, é no mínimo ecológico e ético, certo people?

Então, vou contar para vocês sobre o mistéééério que me levou ao planalto central.

Uma amiga comentou há algumas semanas, que um grupo de amigos estava com vontade de ir à Abadiânia - cidade do interior do estado de Goiás, para ser vista pelo médium João de Deus, a quem é atribuído grande poder de cura das mais diversas doenças.

Vi na minha agenda que naquele final de semana eu estaria com tempo livre, e resolvi me juntar ao grupo, uma vez que nos últimos anos tenho me sentido um "mostruário" de males que a medicina tem pouco ou nenhum jeito eficiente de tratar. Alguns não têm nem diagnóstico..... já passei por tantos hospitais, médi…