Pular para o conteúdo principal

Uma nudez basiquinha...

Queridos, mais uma vez obrigada pelo carinho nos comentários, pela audiência e companhia!

E importante dizer que eu estava, literalmente, exausta na gravação do programa do nosso gordinho predileto: Jô.
E com este nível de exaustão, não há quem negocie, além de um longo e dedicado descanso - o que neste momento da minha vida é impensável.(continua)

Não tive coragem de assistir o programa do Jô, acreditam?
"Mutei" o som, e enquanto falava com minha filha ao telefone, e o nosso encontro com Jô ia ao ar. Um medo enorme de não gostar do que eu veria de mim. Neste momento não estou podêêêiiiindo!!!

Eu adoro o Jô, além de ter uma admiração e respeito enormes tanto por ele quanto pelo seu programa, que é um dos únicos na TV brasileira, que contemplam espaço para música ao vivo!
Adoraria que esta gravação acontecesse num momento (meu), menos pesado energeticamente, porque queria estar bonita, com mais "gás" para atravessar os reveses técnicos que sempre ocorrem nestas ocasiões, enfim....pelos meus critérios, quisera ter podido ser diferente, mas o que importam meus critérios diante da grandeza do Jô nos oferecer, à mim e à minha filha, um espaço tão especial e carinhoso?
Além do mais, para estar acompanhada da Luiza, eu vou até o fim do mundo, imagina só, a Globo é logo alí!!!

A Luiza me emociona muito, muito - em todos os sentidos. Ela é linda por dentro e por fora, e canta lindamente!
Adorei vê-la , meu Deus, que orgulho! Que orgulho!
Desejo, do fundo do coração, que um sentimento assim possa estar ao alcance de todos, porque faz a vida valer a pena, acreditem!

No mais, a lição não é para mim, das mais saborosas, mas entendo que é prá lá de necessária: transcender meu narcisismo, e curtir o que é "humanamente possível".
Há algum tempo atrás eu cortaria os pulsos diante deste tipo de "limitação".

Hoje entendo que não estou no comando, e faço o melhor que posso, deixando tudo mais cumprir seu destino. Meus critérios estão sendo "domesticados".
E sou grata, mesmo. Afinal, esta lição é aplicada com toda a doçura do mundo, porque estou muitíssimo bem acompanhada: pela Luiza de um lado, e por vocês do outro.

Detalhe: talvez, quando eu tiver coragem de assistir o DVD da entrevista, eu não ache tudo tão dramaticamente catastrófico assim, mas neste momento, e é isto o que o blog nos possibilita: este momento, estou pronta para assinar contrato e estrelar a uma nova novela Mexicana!
Quem se habilita??
Bjks

Comentários

Ana Lucília disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Pat disse…
Oxente Zizi, a entrevista foi legal sim.
A Luiza é alto-astral, totalmente abusada imitando a Zélia e Ana Carolina...rs...Não é todo mundo que faz tão bem o que ela fez não viu? Ela é madura e firme nos posicionamentos, o que dizer de Folhetim na voz de Luiza, um absurdo de linda (claro que a minha preferida na voz dela é Oração ao Tempo, que particularmente ficou SHOW! Ela para tudo com essa música). Bacana também foi perceber que vcs se comunicam com o olhar, um entrosamento e uma grande sensibilidade.
Repare, imagine uma pessoa emocionada na madrugada por ouvir Corsário, o que foi aquilo? Mate logo...rs....hahahah....Penso que Corsário foi feita para ser executada somente por Jether tocando e Você cantando, essa música é para sempre de vcs e me emocionou muito ontem, bem como a música Io Che amo solo te que me emociona sempre...
Ó quanta coisa positiva.
Amiga, fica na paz que deu tudo certo, se teve alguma coisa errada, nem deu para perceber, para mim foi tudo certo.
Pensamento positivo ok?
Estou por aqui!
Pat
L. disse…
Zizi, você e Luiza estavam fantásticas, mas eu entendo que às vezes não nos sentimos muito bem com algumas coisas.
MEU DEUS, o que foi você cantando Corsário? A versão está divinamente linda. Segura o coração!
É um alento para os ouvidos e para alma tê-la!

É a primeira vez que leio e comento no blog. Queria contar, cometário bobo, certamente, um dia, há um tempão atrás ouvi na tua voz Mais Simples acho que não há no mundo letra que traduza o amor como esta.
Bom, sou apaixonada por sua voz!

Beijão, cuide-se e muito sucesso!
Anônimo disse…
Estavam lindas no Jô! Assistimos hoje pelo Media Center, minha mãe e eu. Sempre bom vê-las e ouví-las! =) Se sentiste que algo não estava como deveria, não deu para perceber. A autocrítica de fato nos leva a um nível de desconforto impressionante... aliás, me surpreendi com o "medo" da Luiza. Sei bem o que é sofrer desta "paranóia"! Ai ai ai, é duro ser assim apegada à mãe! Mas uma relação assim é também um dos melhores, senão o melhor, presente que alguém pode ganhar, e poucas são as filhas que têm esta sorte! =) Beijos as duas! Carolina Oppelt - carol_oppelt@hotmail.com

P.S.: Nenhum plano para virem cantar nos EUA?
Dani Mota disse…
Zi,acabei de assistir a entrevista através do site do programa do Jô,e dei muita risada com as imitações feitas pela Luiza.E a história,hilária,do porteiro ir até sua casa pra conferir se você estava viva mesmo...rsrsrs. Vocês duas cantando,sem comentários.
Você disfaçou muito bem sua exaustão.Não percebir nada, talvez pelo fascínio de vê-las tão descontraidas.

Se cuida tá?
Um beijão!
morettovalente disse…
Zizi, pode ver o DVD sim!!! voce
tem uma voz que superrrrrra tudo,suas mãos fazem sintonia com a voz .Como diz a Alcione:
Voce não e qualquer uma..rs
bj
seu Moretto

Obs: pra que beleza quando não se tem talento??(melhor ficar na capa de revista) .
Anônimo disse…
‘Viver é se expor demais’, você cantou, foi escrito por você (aliás, disco bom aquele, não?). Tudo bem, faz 26 ou 27 anos, mas, não sei por quê, acho que faz sentido – tempo afora. E o cansaço é a necessária prova de que se está fazendo algo. Bem melhor que o desalento e a inércia que, às vezes, chamamos equivocadamente de cansaço. Gostei do título do post. Acho até que combina com o verso de ‘Melodia’. Pode dizer que é estranho alguém que não assina o próprio nome vir com uma conversa dessas. É que estou de bode com meu nome, com estereótipos de gênero (permita-me a minha dose de drama, rs). Gosto também do trecho em que fala de seu desejo, do fundo do coração, que tenhamos alguém a quem querer bem e de quem nos orgulhar. Graças a Deus, sei qual é essa sensação (como me fez bem me dar conta disso ao ler seu texto!). By the way, a entrevista foi bacana! E, quanto à novela mexicana, pago para ver! (gargalhada sonora!). Abraço, naoqueromaissaber.
Anônimo disse…
Querida Zizi,
Amei a entrevista! A leveza e o modo como a conversa fluiu, e o que você e Luiza conseguem transmitir à quem assiste, são tão agradáveis que a apresentação poderia ter se prolongado por algumas boas horas e seria assistida, com certeza, com muito gosto e satisfação. Fiquei triste quando acabou, pois sempre que te assisto, em qualquer situação, seja em shows ou mesmo em uma entrevista tão curta, no final fica a vontade de ver mais. Então quero te dizer que estás, como sempre, maravilhosa! Como pessoa e como cantora! E isso não sou a única quem diz, já que ao fim da entrevista, ouve-se o "Ahhhhh" de tristeza da platéia. Esta foi exatamente a minha reação e de minha filha, Carolina, que já comentou acima. É muuuuuito agradável ver você, minha cantora preferida há tantos anos, ao lado de Luiza, da qual também gosto muito, já que herdou seu maravilhoso dom. Vocês juntas são um presente! Admiro muito ambas e divido esta admiração com minha filha única e inseparável (mais um dos tantos motivos pelos quais me identifico contigo - se não for ousadia hehehe). Beijos de coração, Anita - anita08usa@hotmail.com
André Effgen" disse…
Diva Assoluta!

Senhora do tempo, fantástico...
Temum tempinho que não apreço no blog..e descobri por acaso a entrevista..pois no momneto emque começava o Jô estava "Me divertindo" em trocar de canais sem parar(risos)!
Foi entãoq ue tive a enrome surpresa ao deixar no programa do jô e assistir até o fim!
Se você exausta estava daquela forma imgaina então bem disposta? Deve ofuscar o Sol!
Divina Fantastica!
Corsario perfeiro..io che amo solo te...
e com chave de ouro "joão e maria"! Perfeito! Soberba!

Nunca tinha ouvido uma risada sua que fosse tão gostosa e olha que já assisti enessimas entrevistas contigo! Eu não aguentei e "poquei" em um gargalhada... acordando a casa inteira! (risos frreneticos)

Cada estás melhor minha Querida!
E mesmo o casaquinho estava bonito!Um peça linda mas num bateu...
Num era assim uma brastemp..mas um consul (ahah) Mas , pra que discutir isto ..até um saco de estofa ficaria divino em você! Por que sua luz traspassa todas as coisas e te mostra "per si" ..divina!
Te amo!

André Effgen"

P.s.: Dê ,por favor, um recadinho um recadinho para a Luiza,diga a ela que estava também fantástica na entrevista..faltou imitar a Bethania(risos). E diga a ela que largue o cigarro com urgencia..(sou cantor erudito, tenor dramtico-spinto) e achei que dava pra conciliar as duas coisas..pois não deu...tive que ficar meses afastado pra poder recupar o brilho da voz que estava indo embor ajunto com as tragas...pois bem livrei-me do cigarro e consegui recuperar!O pior são os casos quando não s econsegue! Mas a Luiza não fic anisso muito tempo! Se puxou "mamãe" há de fazer a melhor escolha!
Vladimir disse…
Zizi, nada de preocupações!! Vocês estavam ótimas, cantaram lindamente e conseguiram divertir... O segundo bloco ficou mais na brincadeira, coisa que o Jô provocou... Talvez ele pudesse ter direcionado a entrevista para outros assuntos, mas enfim, foi ótimo vê-las e ouví-las!!

Fiquei curioso com o que o Bira fez para te provocar aquele acesso de riso!! Conta prá nós o que aconteceu, pois na gravação não deu para saber!!

Beijos
MEU BEM...PERCEBI NO ATO SUA INDISPOSIÇÃO, TANTO QUE COMENTEI NO ORKUT.
TUDO PODERIA SER DIFERENTE SE O JÔ TIVESSE SIDO MAIS COMPETENTE, ELE SÓ PERGUNTOU BOBAGEM, ISSO SIM TE DEIXOU SEM AQUELE VIGOR DE SEMPRE.
QUANTO A SUA APRENSTAÇÃO E A DA LUIZA NÃO SEI NEM COMENTAR...AO CONTRÁRIO DE VC EU CHOREI FOI DE SAUDADE!
POR FAVOR VAMOS MANEIRAR NESSE PAPO DE NARCISISMO PRA NÃO VIRAR LOUCURA, SABE QUE É UMA GATA GOSTOSA, BASTA SÓ REPARAR NA QUANTIDADE DE GATOS QUE ESTÃO ATRÁS DE VOCÊ,OS CONVITES PRA JANTAR E TUDO MAIS KKKKK
SIM EM TEMPO, SÓ ACHO QUE SEU CABELO FICA MELHOR QUANDO MAIOR E LOURO...TENHO DITO!!!!

CARA BOA A SUA VIU?????

TE AMO........DELÍCIA
Manoel disse…
Zi, fiquei fora do ar um tempo, por motivos profissionais, mas dei uma fugida porque tenho que lhe dizer isso: esse foi um dos textos mais lindos e mais tocantes que vc ja escreveu. Sei como e dificil pra todos nos o confronto com o nosso "espelho", e vc fez isso de uma forma muito madura e bonita, reconhecendo aquilo que te enfraquece e te fortalesse, e falando do seu amor pela sua filha, que e lindo. Isso e um sinal de maturidade que poucos ainda conseguem atingir. Nao e facil expor uma "nudez" assim, viu ? Grande, Zizi.
Infelizmente nao consegui assistir a entrevista ao vivo (nao tenho acesso a Globo aqui), mas estou ancioso para ver no site hoje a noite.
Beijao.

Postagens mais visitadas deste blog

Existe uma música cuja letra diz   “recordar é viver”
Pois bem, eu digo o contrário. Viver, de verdade, é recordar…..
Daquilo que, intimamente, já sabíamos - mas não lembrávamos que sabíamos… Recordar através de uma palavra solta no ar, um gesto, uma intenção, um deja-vù… qualquer coisa se presta a ser um sinal que suga dos infinitos do inconsciente a lembrança vaga de fatos, mas muito sólida em conteúdo e sentido.
Lembrar disso tudo trás sentido ao viver, ao sofrer que faz parte, àquilo que temos de aceitar porque a impotência bate de frente….
O caminho dessas lembranças, pelo menos o único que conheço, está bem perto - ou melhor : bem dentro de nós. Há que se ter coragem = core ( coração + agir ). Há que enfrentar nossos próprios demônios e dragões, que guardam as portas de entrada da memória… Parece simples, mas não é. Um pequeno e único gesto, por menor que seja, nessa direção, acredite: é Hercúleo.
Bem vindo à complexidade - inevitável como o destino - que nos compõe, e parece cobrar sua aut…

Pensou que eu tinha esquecido de você Eli?????

Mas não esqueci não!!!!!
Parabéns atrasados querida, mas limpinhos e cheios de carinho!!!
Desculpe não ter postado ontem!
Fui abduzida pela minha filha que me levou a um cinema incrível, a gente quase deita nele! E os garçons servem o que a gente já pediu.
Assistimos Almodovar com um pacote imenso de pipocas e prosseco rosê.
E eu ficava pensando: será que vai dar tempo de postar o parabéns da Eli?????
Não deu, mas então aqui vai:

PARABÉNS ELI!!!!
Muita saúde, paz, realizações, amor, felicidades e que seus desejos mais lindos sejam realizados!
Receba um beijo meu enooooooooooorme, e deste blog inteirinho que te ama!

Ah, a Carminha fez um cartão lindo prá você, só que veio em pdf. extensão que o blogger não aceita para uploads.

Então saiba que o carinho de todos por aqui é muito maior do que o que você imagina!
Beijos mil

Mistério revelado

Que bacana vocês terem aprovado o verde de fundo do blog.
É em homenagem à nossa escolha por maioria, ao partido verde, que na verdade com ou sem partido, é a cor de fundo das escolhas dos nossos corações, não é mesmo?

Um blog que reúne pessoas que amam animais, vegetais e minerais, música, arte e verdade, é no mínimo ecológico e ético, certo people?

Então, vou contar para vocês sobre o mistéééério que me levou ao planalto central.

Uma amiga comentou há algumas semanas, que um grupo de amigos estava com vontade de ir à Abadiânia - cidade do interior do estado de Goiás, para ser vista pelo médium João de Deus, a quem é atribuído grande poder de cura das mais diversas doenças.

Vi na minha agenda que naquele final de semana eu estaria com tempo livre, e resolvi me juntar ao grupo, uma vez que nos últimos anos tenho me sentido um "mostruário" de males que a medicina tem pouco ou nenhum jeito eficiente de tratar. Alguns não têm nem diagnóstico..... já passei por tantos hospitais, médi…