Pular para o conteúdo principal
Pessoas lindas, vocês, meus Zizianos queridos....

Obrigada pela torcida, pela fé, pelas palavras de conforto, e mais além delas: pelo carinho e preocupação.

Como vocês devem imaginar, não tem sido fácil, nem meu brinquedo predileto, essa coleção sucessiva de obstáculos dolorosos....., mas, fazer o que, não é mesmo?

Ontem dei sinal verde para a tristeza chegar - até porque, não estou com energia para transformá-la em sono, neurose, negá-la etc...
Não ter podido assistir a Luiza, acreditem, foi muito muito triste, e acabou funcionando como a gota d'água.
Lembrei do Fernando Pessoa dizendo que só conhecia heróis.... e me perguntei se eu estava me tornando um deles.... aí desabei.
E, como me propus desde o princípio com vocês, este espaço não foi criado para excluir minha humanidade.
Na boa, que importante ter vocês do outro lado da tela! Acreditem!

Vale dizer, que em nenhum momento me senti ou sinto desamparada, pelo contrário.
Uma crescente fé me acompanha. Não a fé que "pede" a cura etc.
É uma fé compacta e inquestionável. Um certeza tácita de que, tudo isso, por mais desagradável, difícil e doloroso que seja, cumpre um propósito que não me compete compreender, pelo menos por enquanto.....
Difícil abrir mão dos planos, do que já está com meio caminho andado, dos projetos.....
Difícil e incômoda esta posição. Ameaçadora, porque não dizer.....
Por outro lado, não há contra o que brigar. Isso é incontestável, e creiam, não me revolta.
Cansa, isso sim, cansa muito!

Hoje, falando com minha prima, que estava preocupadíssima comigo, lembrei que há 10 anos, ela estava caminhando com as amigas, e uma van desgovernada as atropelou. Ela ficou 2 anos sem poder andar, teve de fazer muitos implantes, próteses enxêrtos, e hoje caminha com pouca dificuldade, mas passou por um tormento.... e não me senti no direito de reclamar, nem um tiquinho, da minha história de vida...

Assim como a dela, milhões de histórias acontecem a todo o momento, para nos lembrar que não estamos no comando, e que o que parece simples como levantar da cama todos os dias, por exemplo, não podemos esquecer, é um milagre do qual a gente não se dá conta que vive a todo o instante.

Quero agradecer, de coração, todo o carinho que estou recebendo de vocês.
Esse bem querer, é o milagre pelo qual o coração espera, o tempo todo!
Obrigada meus queridos!

Segue um vídeo lindo para vocês.
Com todo o meu carinho e gratidão.




video

Comentários

Muito bem. Olha o sol brilhandooooooooo ''risos e muitos risos''.

Beijooooooooooooooo
Marcos Vital disse…
É dentro de nós que o Sol brilha
E gira
E tantas e tantas vezes nos induz
A morrer e a renascer
É na alegria, no sofrimento e na dor
Que a alma acabará por se incendiar
Se converter em luz-amor
E evolar-se em fumos de espiritualidade
Para se libertar
Enquanto o corpo - num sopro
Se transformará de novo em húmus...

(Henrique Pedro)
CACA disse…
QUE VÍDEO MAIS BUZINANTE.
ISSO QUE CHAMO LEVAR UMA BELA
BUZINADA!!!
QUE ENERGIA,UFA!!!

CARMINHA

Postagens mais visitadas deste blog

Pensou que eu tinha esquecido de você Eli?????

Mas não esqueci não!!!!!
Parabéns atrasados querida, mas limpinhos e cheios de carinho!!!
Desculpe não ter postado ontem!
Fui abduzida pela minha filha que me levou a um cinema incrível, a gente quase deita nele! E os garçons servem o que a gente já pediu.
Assistimos Almodovar com um pacote imenso de pipocas e prosseco rosê.
E eu ficava pensando: será que vai dar tempo de postar o parabéns da Eli?????
Não deu, mas então aqui vai:

PARABÉNS ELI!!!!
Muita saúde, paz, realizações, amor, felicidades e que seus desejos mais lindos sejam realizados!
Receba um beijo meu enooooooooooorme, e deste blog inteirinho que te ama!

Ah, a Carminha fez um cartão lindo prá você, só que veio em pdf. extensão que o blogger não aceita para uploads.

Então saiba que o carinho de todos por aqui é muito maior do que o que você imagina!
Beijos mil
Existe uma música cuja letra diz   “recordar é viver”
Pois bem, eu digo o contrário. Viver, de verdade, é recordar…..
Daquilo que, intimamente, já sabíamos - mas não lembrávamos que sabíamos… Recordar através de uma palavra solta no ar, um gesto, uma intenção, um deja-vù… qualquer coisa se presta a ser um sinal que suga dos infinitos do inconsciente a lembrança vaga de fatos, mas muito sólida em conteúdo e sentido.
Lembrar disso tudo trás sentido ao viver, ao sofrer que faz parte, àquilo que temos de aceitar porque a impotência bate de frente….
O caminho dessas lembranças, pelo menos o único que conheço, está bem perto - ou melhor : bem dentro de nós. Há que se ter coragem = core ( coração + agir ). Há que enfrentar nossos próprios demônios e dragões, que guardam as portas de entrada da memória… Parece simples, mas não é. Um pequeno e único gesto, por menor que seja, nessa direção, acredite: é Hercúleo.
Bem vindo à complexidade - inevitável como o destino - que nos compõe, e parece cobrar sua aut…

Mistério revelado

Que bacana vocês terem aprovado o verde de fundo do blog.
É em homenagem à nossa escolha por maioria, ao partido verde, que na verdade com ou sem partido, é a cor de fundo das escolhas dos nossos corações, não é mesmo?

Um blog que reúne pessoas que amam animais, vegetais e minerais, música, arte e verdade, é no mínimo ecológico e ético, certo people?

Então, vou contar para vocês sobre o mistéééério que me levou ao planalto central.

Uma amiga comentou há algumas semanas, que um grupo de amigos estava com vontade de ir à Abadiânia - cidade do interior do estado de Goiás, para ser vista pelo médium João de Deus, a quem é atribuído grande poder de cura das mais diversas doenças.

Vi na minha agenda que naquele final de semana eu estaria com tempo livre, e resolvi me juntar ao grupo, uma vez que nos últimos anos tenho me sentido um "mostruário" de males que a medicina tem pouco ou nenhum jeito eficiente de tratar. Alguns não têm nem diagnóstico..... já passei por tantos hospitais, médi…