Pular para o conteúdo principal

Caríssimos e Carésimos....

Quem foi que disse que ficar de molho é só paparicação???? Por favor dê o endereço para que eu possa preencher o formulário, me inscrever, pegar o número de protocolo, pagar matrícula, tirar a foto 15x29, pagar a taxa de serviço no BB, e finalmente descansar na mordomia da paparicação.... rs....

É só uma dramazinho básico, sem maiores sequelas, people!!!!

Enquanto aguentar ficar este tantinho aqui sentada, quero aproveitar e escrever o máximo que conseguir para vocês.

Quero dizer que ontem no pedaço da cerimônia de posse do Obama onde teve lugar o discurso( porque a cerimônia levou o dia inteiro), fiquei tocada por alguns detalhes que, espero, não sejam só delírios dos meus desejos.

Primeiramente, me chamou a atenção a música composta por John Williams especialmente para a ocasião, bem como a formação musical escolhida: piano acústico, cello, violino e clarinete.
Só para lembrar: Williams é o compositor premiadíssimo de apoteóticas trilhas sonoras de filmes não menos apoteóticos como por exemplo:
-Jurassic Park, Indiana Johnes, Stars Wars, E.T, A Lista de Schindler, o primeiro filme da série Superman, e os três primeiros filmes da série Harry Potter, entre muitos outros.
Era de se esperar, uma apoteose deste porte...

Continuando: aí, na cerimônia de posse do presidente Obama, com tudo o que isto significa, inclusive a apresentação ao vivo para um público de dois milhões de pessoas, Williams escreve uma peça requintadíssima, suave e contemporânea, no bom português: nada popular - e, para um quarteto.
Corajoso. Muito corajoso, e certamente carregava uma proposta de atitude intrínseca....

Encafifei com isso, e prossegui assistindo.

Convidado daqui, convidado de lá, e finalmente entra Obama, com a emoção controlada para não escorregar nos apelos do ego, uma consciência no andar e no olhar, que me tocaram novamente..... profundamente.
Fiquei um tempão neste estado de "suspensão" , prestando atenção a tudo que conseguia, sem saber colocar legenda no que estava sentindo.
E então, veio o discurso.

Outra vez a sutileza se apresentou dando suporte para a firmeza e para a coragem.
Coragem principalmente, de conter a arrogância já tão própria dos líderes daquele país.
O cuidado de pontuar o presente em relação à história, aos antepassados, a tudo o que foi construído para que o presente se configurasse.
Coragem de convocar o planeta a honrar os princípios, em detrimento dos valores materialistas que desnorteiam a história, o sacrifício dos antepassados, e o sentido do futuro.
Tudo isso e muito mais, com respeito às outras culturas, ao oriente, diferenciando o povo muçulmano de seus líderes.... isto é no mínimo, humano!!!!

Aí acho que entendi a música do Williams, a presença dos músicos, solistas, indiscutivelmente dentre os melhores do planeta....

Tive a forte impressão de que, os princípios sendo eleitos como os norteadores do caráter e das escolhas (da proposta de acabar com a "vista grossa" e com os interesses particulares e convenientes), implicam num refinamento de educação da alma e do comportamento humano.
Isso é música, sem apelação.
É música tocada por músicos virtuosos, com excelência, e por instrumentos afinados.
Mais que isso: música tocada por vários excelentes músicos, que dedicam a vida para se melhorarem, a cada dia.
Isso é educação e refinamento - dos sentidos e da alma.

Tomara que eu não esteja inventando, ou animada demais.

Se a música, a arte, a cultura, a "humanidade", voltarem a ter espaço na vida da pessoas, será um sinal, de que os princípios estão vencendo.
O que eu puder fazer para contribuir, será feito, com aquela paixão que dá sentido à vida.
Deus é pai!

Comentários

Alf disse…
Pois é, maravilhosa Zizi,
em relação ao Obama só nos cabe torcer. De qualquer forma, a sua eleição em si é um grande alento - o bush fazia mal para a alma...

Curta bem os dias de molho - se precisar de uns mimos ou de companhia para o chá: alfcaseiro@estadao.com.br. rs

Durante o seu recolhimento forçado, nós mortais vamos nutrindo a alma com suas divinas canções - sua versão de "Meu erro" é de deixar a gente sem fôlego...

Um grande beijo e boa recuperação, Alfredo
Lusiane disse…
Afff que não ão te enchendo de paparico aí não, Zizi??? Realmente os tempos são outros... acho que ainda lembro dos tempos de infância (tá, não muito tempo assim), que é só mimo e carinho quando ficava de cama... faz o seguinte: protocola o pedido que um ofício será encaminhado aos responsáveis pela ação!!! ahahahahahah ;)
--------------------------
Sobre o Obama... tô me enchendo de esperanças com ele sabe... não vi a cerimônia, perdi a música do Williams(e tu me deixou beeeem curiosa!), mas acompanhei algumas ações dele no primeiro dia... achei interessante ele manter o chefe do Pentágono, deixando como missão que ele acabe com a Guerra no Iraque, guerra essa que ele foi a cabeça pensante! Esse cara é mesmo um gênio... e eu cheia de esperanças!!!!!
--------------------------
Carminha, eu nem ligo quando escrevem meu nome errado.. Luziane já virou sinônimo! Com um nome incomum desses não dá pra ficar chateada quando erram, não é mesmo!? ahahahahahahaha
Pra facilitar a vida de todos, e como só quem me chama de Lusiane é meu pai em dias de fúria... Lusi simplesmente é melhor! ahahahahahaha

Se cuidem aí minha gente!!!
Um beijo em todos... Zizi e Zizianos!
:*

Lusi
Pat disse…
Ei Zizi, então!!! Estava eu a refletir sobre as suas palavras sobre Obama:

“...não escorregar nos apelos do ego, uma consciência no andar e no olhar”[...] “...a sutileza se apresentou dando suporte para a firmeza e para a coragem. Coragem principalmente, de conter a arrogância já tão própria dos líderes daquele país”. [...] “O cuidado de pontuar o presente em relação à história, aos antepassados, a tudo o que foi construído para que o presente se configurasse. [...] Coragem de convocar o planeta a honrar os princípios, em detrimento dos valores materialistas que desnorteiam a história, o sacrifício dos antepassados, e o sentido do futuro. [...] respeito às outras culturas, ao oriente, diferenciando o povo muçulmano de seus líderes.... isto é no mínimo, humano!!!

E acho que talvez esteja aí o cerne da questão trazida Chaplin: “Mais do que de máquinas, precisamos de humanidade. Mais do que de inteligência, precisamos de afeição e doçura.”

Espero que Obama tenha coragem, nobreza, humildade e seja humano, que ele respeite tudo e todos, e que o seu repertório de vida seja um grande exemplo para todos nós e/ou então, sigamos o Bial: “TUDO O QUE HOJE PRECISO REALMENTE SABER, APRENDI NO JARDIM DE INFÂNCIA”.

Paz e Fraternidade!
Pat

Postagens mais visitadas deste blog

Pensou que eu tinha esquecido de você Eli?????

Mas não esqueci não!!!!!
Parabéns atrasados querida, mas limpinhos e cheios de carinho!!!
Desculpe não ter postado ontem!
Fui abduzida pela minha filha que me levou a um cinema incrível, a gente quase deita nele! E os garçons servem o que a gente já pediu.
Assistimos Almodovar com um pacote imenso de pipocas e prosseco rosê.
E eu ficava pensando: será que vai dar tempo de postar o parabéns da Eli?????
Não deu, mas então aqui vai:

PARABÉNS ELI!!!!
Muita saúde, paz, realizações, amor, felicidades e que seus desejos mais lindos sejam realizados!
Receba um beijo meu enooooooooooorme, e deste blog inteirinho que te ama!

Ah, a Carminha fez um cartão lindo prá você, só que veio em pdf. extensão que o blogger não aceita para uploads.

Então saiba que o carinho de todos por aqui é muito maior do que o que você imagina!
Beijos mil
Existe uma música cuja letra diz   “recordar é viver”
Pois bem, eu digo o contrário. Viver, de verdade, é recordar…..
Daquilo que, intimamente, já sabíamos - mas não lembrávamos que sabíamos… Recordar através de uma palavra solta no ar, um gesto, uma intenção, um deja-vù… qualquer coisa se presta a ser um sinal que suga dos infinitos do inconsciente a lembrança vaga de fatos, mas muito sólida em conteúdo e sentido.
Lembrar disso tudo trás sentido ao viver, ao sofrer que faz parte, àquilo que temos de aceitar porque a impotência bate de frente….
O caminho dessas lembranças, pelo menos o único que conheço, está bem perto - ou melhor : bem dentro de nós. Há que se ter coragem = core ( coração + agir ). Há que enfrentar nossos próprios demônios e dragões, que guardam as portas de entrada da memória… Parece simples, mas não é. Um pequeno e único gesto, por menor que seja, nessa direção, acredite: é Hercúleo.
Bem vindo à complexidade - inevitável como o destino - que nos compõe, e parece cobrar sua aut…

Mistério revelado

Que bacana vocês terem aprovado o verde de fundo do blog.
É em homenagem à nossa escolha por maioria, ao partido verde, que na verdade com ou sem partido, é a cor de fundo das escolhas dos nossos corações, não é mesmo?

Um blog que reúne pessoas que amam animais, vegetais e minerais, música, arte e verdade, é no mínimo ecológico e ético, certo people?

Então, vou contar para vocês sobre o mistéééério que me levou ao planalto central.

Uma amiga comentou há algumas semanas, que um grupo de amigos estava com vontade de ir à Abadiânia - cidade do interior do estado de Goiás, para ser vista pelo médium João de Deus, a quem é atribuído grande poder de cura das mais diversas doenças.

Vi na minha agenda que naquele final de semana eu estaria com tempo livre, e resolvi me juntar ao grupo, uma vez que nos últimos anos tenho me sentido um "mostruário" de males que a medicina tem pouco ou nenhum jeito eficiente de tratar. Alguns não têm nem diagnóstico..... já passei por tantos hospitais, médi…