Pular para o conteúdo principal

Pensando a dor...

People,

Tive de faltar na minha aula de hoje....ô Dó!

É que fui atacada por uma dor de cabeça "cabulosa", daquelas que parece que azulejaram a área interna do crânio.... tudo reverbera lá dentro. Os latidos do Rubinho parecem munição de um jato a laser.......
Nossa, que imagens essas....rs...

Hoje conversei muito com meu neurologista que, pasmem, fez um dos cursos de perspectiva budista que o centro que eu frequento ofereceu. Incrível, né?
Isso facilita muito uma conversa mais abstrata, e pelo menos garante que a legenda da conversa não vai se perder muito do sentido original......
Sobre este assunto de todos hoje em dia admitirem - inclusive e principalmente a ciência - que os estados mentais e emocionais afetam a saúde física.
Eu acho que esta é uma via de duas mãos - ou seja: que uma doença ou um funcionamento inadequado do corpo físico, pode sim afetar o saudável funcionamento e reatividades dos aspectos emocionais e mentais, e assim afetar tudo na nossa existência.

Por tanto tempo a ciência desprezou efeitos visíveis que partissem do invisível, e agora de repente procuram no invisível a causa de todos ou quase todos os males físicos.
Qualquer exagêro afasta uma compreensão mais ampla, eu acho.
Daí que essa relação entre corpo físico e corpos emocional e mental, também precisa ser ampliada para o "coletivo".
Ou seja: a sociedade.
Hoje em dia, acredito de verdade, que a maior doença que temos de enfrentar, é a doença do homem dividido em grupos, e os valores que cultiva.
À princípio o grupo deveria alcançar uma importância ressonante para resolver problemas que o homem individualmente não conseguiria resolver. Mas na prática nem sempre é assim....

Princípios se desvirtuam, valores se confundem, espreme daqui, puxa dalí, e o homem acaba vítima da própria espécie, tendo de corresponder a um ideal de comportamento, status, aparência e poder, que nem de longe refletem seu Ser fundamental.

E num cenário desses, quem é que não é doente?????

Comentários

Cris Zampiere disse…
Nossa como voce expressa bem os sentimentos humanos, digo porque o que disse é exatamente o que sinto e vejo, hoje estamos muito mais doentes por parametros, regras,pre-conceitos do que por virus.Em uma sociedade em que o importante é o ter e nao o ser os sentimentos ficam reprimidos e dão lugar a conveniencia de atitudes, e como ser feliz assim? fica difícil né.
Trabalhamos demais, nos divertimos amamos menos e tudo isso pelo poder e pelo consumo de frivolidades.Bom por isso é importante sempre nos questionarmos em relação a vida e ao nossos valores, assim poderemos decidir ser nós mesmos e claro pagar o preço por isso.
Ainda bem que no meio de nossa jornada encontramos pessoas que valorizam o ser e os seus sentimentos.Aqui no blog eu encontrei muito disso.
Beijos Zizi.
Cris
Cris Zampiere disse…
Ficarei rezando para que sua dor de cabeça melhore, cuidado com a ansiedade ela prejudica muito nosso corpo.
Fique em paz, que Deus te abencoe.
Te adoro.
Cris
caca disse…
ZIZIZINHA QUERIDA,
ESPERO QUE TENHAS MELHORADO DA DOR DE CABEÇA,NINGUÉM MERECE!!

NOSSA, A SUA REFLEXÃO É TÃO CLARA E TÃO LÚCIDA.MUITAS VEZES ,SOMOS ACOMETIDOS POR DISTÚRBIOS PELA FORMA COMO AGIMOS, COMO VALORIZAMOS DE MAIS O QUE NÃO TEM TANTA IMPORTÂNCIA E COMO DEIXAMOS DE VER E VALORIZAR O QUE REALMENTE IMPORTA PARA O NOSSO CRESCIMENTO PESSOAL,PARA MANTERMOS NOSSA SAÚDE FÍSICA E MENTAL E A NOSSA ESPIRITUALIDADE.COM ISSO,NOS DESGASTAMOS ALÉM DO NECESSÁRIO, E O CORPO "PAGA",ADOECE,ENVELHECE...

TEMOS MUITO HÁ APRENDER E MUDAR NESSE SENTIDO!!


BOM FIM DE SEMANA AMIGOS!!
BEIJOS, CACÁ CARMINHA
Yasmine Franco disse…
Desejo melhoras!Que esta dor de cabeça vá embora com uma passagem da Varig e sem volta!
Sua reflexão é ótima para o que vivemos hoje!Sua sensibilidade é incrível.
Quando nossa mente está doente, seja por qual motivo, o corpo sofre, vêm às doenças oportunistas e desestabiliza todo o lado físico, o mesmo ocorre em relação quando estamos com uma dor física. O remédio é procurar um equilíbrio em meio ao tão tumultuado cotidiano e mundo que estamos vivendo.
Uma ótima Páscoa para todos!

Postagens mais visitadas deste blog

Existe uma música cuja letra diz   “recordar é viver”
Pois bem, eu digo o contrário. Viver, de verdade, é recordar…..
Daquilo que, intimamente, já sabíamos - mas não lembrávamos que sabíamos… Recordar através de uma palavra solta no ar, um gesto, uma intenção, um deja-vù… qualquer coisa se presta a ser um sinal que suga dos infinitos do inconsciente a lembrança vaga de fatos, mas muito sólida em conteúdo e sentido.
Lembrar disso tudo trás sentido ao viver, ao sofrer que faz parte, àquilo que temos de aceitar porque a impotência bate de frente….
O caminho dessas lembranças, pelo menos o único que conheço, está bem perto - ou melhor : bem dentro de nós. Há que se ter coragem = core ( coração + agir ). Há que enfrentar nossos próprios demônios e dragões, que guardam as portas de entrada da memória… Parece simples, mas não é. Um pequeno e único gesto, por menor que seja, nessa direção, acredite: é Hercúleo.
Bem vindo à complexidade - inevitável como o destino - que nos compõe, e parece cobrar sua aut…

Pensou que eu tinha esquecido de você Eli?????

Mas não esqueci não!!!!!
Parabéns atrasados querida, mas limpinhos e cheios de carinho!!!
Desculpe não ter postado ontem!
Fui abduzida pela minha filha que me levou a um cinema incrível, a gente quase deita nele! E os garçons servem o que a gente já pediu.
Assistimos Almodovar com um pacote imenso de pipocas e prosseco rosê.
E eu ficava pensando: será que vai dar tempo de postar o parabéns da Eli?????
Não deu, mas então aqui vai:

PARABÉNS ELI!!!!
Muita saúde, paz, realizações, amor, felicidades e que seus desejos mais lindos sejam realizados!
Receba um beijo meu enooooooooooorme, e deste blog inteirinho que te ama!

Ah, a Carminha fez um cartão lindo prá você, só que veio em pdf. extensão que o blogger não aceita para uploads.

Então saiba que o carinho de todos por aqui é muito maior do que o que você imagina!
Beijos mil
Faço agora uma reverência aos Zizianos espalhados pelo Brasil e mundo.
Hoje, 22 de outubro de 2015, completamos mais um ano de vida!
Foi em 22 de outubro de 2007, que resolvi publicar meu blog na plataforma do blogspot, super discretamente, colhendo aqui e ali algumas pessoas que se reuniam em torno do meu trabalho...
Adriana GarciaCarmen Teixeira, Paulinha de Salta, Ney Lee, Conceicao MachadoManoel Vila NovaAndrezinho Possi, Luziane, ....... e assim, de grão em grão construímos uma relação tão quente, tão propícia, que casamentos aconteceram entre membros do blog, encontros físicos - tivemos 3, com pessoas do Brasil todo.
E o mais gratificante, foi perceber que apesar das diferenças de gêneros, sotaques, idades, lá no fundo do coração, todos nós Zizianos somos feitos de uma mesma substância. Nos emocionamos "alcançando" um sentido intrínseco nas canções, na poesia do cotidiano, nas aspirações.... enfim, somos todos da mesma gota de amor de Deus.
Obrigada por existirem na m…